Chuvas castigam Niterói e municípios vizinhos

As fortes chuvas que caíram sobre Niterói e municípios vizinhos desde as primeiras horas da manhã dessa segunda-feira (13) surpreendeu muita gente, que deixava suas casas e seguia para o trabalho. Várias ruas ficaram alagadas. No bairro de Santa Bárbara – na divisa com São Gonçalo – as sirenes foram acionadas por conta das fortes chuvas. Segundo a prefeitura, nesta segunda choveu 90% do que era esperado para o mês de janeiro todo.

Às 6 horas Niterói entrou em estágio de Atenção por conta das chuvas. A chuva foi mais intensa entre 6h e 7h da manhã, atingindo 33% do volume esperado para o mês. Muitas ruas ficaram alagadas dificultando que as pessoas saíssem de casa. O estágio de atenção é um nível intermediário, que significa que o mau tempo está causando impactos à população.

Na Zona Sul, a Avenida Roberto Silveira ficou totalmente alagada, impedindo que ônibus cruzassem a via. No bairro de Charitas, várias ruas ficaram alagadas e o valão, que atravessa a Avenida Almirante Rua Ary Parreiras, em Icaraí, transbordou.

Na Zona Norte, a Alameda São Boaventura também foi tomada pela água, muitas pessoas ficaram ilhadas nas calçadas. No Centro, bolsões de água foram registrados em quase todas as vias.

Os maiores acumulados nas últimas 12 horas foram registrados em Santa Bárbara (132,4mm), Morro do Castro (91,4mm), Várzea das Moças (90,8mm), Engenho do Mato (87,6mm) e Sapê (85,2 mm).

Sirene toca no Santa Bárbara

No bairro de Santa Bárbara, o Centro de Monitoramento e Operações, da Defesa Civil de Niterói informou que o acumulado de 24h atingiu índice de acionamento e sirenes foram acionadas na região, indicando risco de deslizamento de barreiras.

Pelo menos uma família teve que deixar sua casa por conta do risco de deslizamento. Equipes da Defesa Civil estão nas ruas desde as primeiras horas da manhã.

São Gonçalo e Maricá também sofrem

A chuva caiu forte também nas cidades de São Gonçalo e Maricá. Parte da RJ-106 ficou totalmente alagada, impedindo os motoristas de entrar e sair de Maricá. A cidade também entrou em estágio de Atenção. Vários pontos da cidade ficaram embaixo d’água, como a Rua Domício da Gama, uma das principais do Centro. Os locais mais atingidos são Itapeba e São José do Imbassaí.

Há vários bolsões de água pela cidade e o acumulado de chuvas na estação pluviométrica da Mumbuca (mede a região do Centro e adjacências) foi de 176.6 mm às 10h15, considerado chuva de intensidade muito forte. No pluviômetro da Barra o acumulado no mesmo horário foi de 3.8 mm.

Em São Gonçalo moradores relatam que em alguns pontos a água está na altura do joelho. Os bairros relatados são: Boaçu, Mutuá, Neves e Jardim Catarina.

Rio de Janeiro entra em estágio de Atenção

A cidade do Rio de Janeiro entrou em estágio de atenção às 5h50 de hoje (13) devido a uma chuva forte que cai desde a madrugada em vários pontos do estado.

A chuva provocou vários pontos de alagamento pela cidade, em bairros como Centro, Copacabana, Lagoa, Jardim Botânico e Ilha do Governador.

Segundo dados do Sistema Alerta Rio, o bairro da Saúde foi onde mais choveu das 6h às 7h, com 22 milímetros de chuva. Na Urca, foram 16,8 mm.

O Instituto Nacional de Meteorologia divulgou um alerta de chuvas intensas no estado até as 12 horas desta segunda, com risco de ventos fortes e queda de energia.

Previsão

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alertade ‘Perigo Potencial’ nesta segunda – que vai até terça (14) para as chuvas que podem atingir a Região Metropolitana.

e acordo com o Centro de Monitoramento e Operações da Defesa Civil de Niterói, os núcleos de chuva que provocaram chuva forte em diferentes pontos de Niterói, já se afastaram. Ainda há registro de chuva fraca a moderada em diversos pontos da cidade. Devido à atuação de áreas de instabilidade, permanece a previsão de chuva fraca a moderada, a qualquer hora desta segunda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *