Chuva forte alaga ruas e deixa bairros sem luz em Niterói e SG

Anderson Carvalho

Após um fevereiro de muito sol, voltou a chover ontem na Região Metropolitana do Rio, inclusive em Niterói e São Gonçalo, onde vários pontos ficaram alagados e sem luz durante horas. A chuva caiu no final da tarde durante cerca de uma hora, com forte ventania, que arrastou toldos e tampas plásticas de caixas d’água.

Em Niterói, ficaram alagadas a Avenida Roberto Silveira e ruas do entorno em Icaraí; várias vias do Fonseca; diversas vias do Centro, Ingá, Vital Brazil, Santa Rosa e as regiões de Pendotiba e Oceânica. Segundo a Defesa Civil Municipal, os maiores pontos acumulados em uma hora de chuva foram o Morro do Bumba, com 30,4 milímetros; Largo da Batalha, 30,2 mm; Charitas, 30 mm e Morro do Estado, 26 mm.

Além disso, houve falta de luz em diversos pontos do Fonseca; na Rua Presidente Backer, na altura do Largo do Marrão, em Santa Rosa; Venda da Cruz; no Centro e na Região Oceânica. Na Rua Professor Heitor Carrilho, no Centro, um transformador estourou. Até o fechamento desta edição, alguns pontos ainda estavam sem luz.

Em São Gonçalo, a Rua Presidente Kennedy, paralela à Rua Feliciano Sodré, onde fica a sede da prefeitura, ficou alagada, assim como outras ruas adjacentes. Ficaram alagadas também vias dos bairros de Nova Cidade, Colubandê, Mutuapira, Alcântara, Neves e Porto da Pedra, principalmente. Nestas regiões também faltou luz.

Procurada, a concessionária de energia elétrica Enel informou que a chuva forte afetou o fornecimento de luz em alguns bairros de Niterói e São Gonçalo. A empresa esclareceu que técnicos trabalham para normalizar o serviço o mais rápido possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *