Celso Barros vem dando sua cara ao departamento de futebol do Flu

Vice-presidente geral do Fluminense, o empresário Celso Barros, desde que Mário Bittencourt assumiu o poder, vem comandando o departamento de futebol. Aos poucos, porém, ele vem tentando dar a sua cara ao setor e finalmente parece caminhar para conseguir atingir seus objetivos. Nos próximos dias ele vai anunciar Sandro Lima, o Sandrão, para o cargo de gerente de futebol, que estava extinto.
Sandro foi vice-presidente de futebol entre 2011 e 2013, inclusive participando das conquistas do Campeonato Carioca e do Campeonato Brasileiro de 2012. Homem de confiança de Celso, ele terá a missão de auxiliar o dirigente e o diretor de futebol Paulo Angioni nas contratações.
Além disso, Sandro vai poder auxiliar a tocar outros projetos. Será ele o responsável por auxiliar o ex-jogador Ailton a tocar o projeto de Xerém. O ex-atleta é coordenador técnico do sub-20. Outra missão do novo dirigente será a formação de um time de aspirantes para disputar o Campeonato Brasileiro da categoria. Essa equipe vai dar chance a jovens promovidos dos times de juniores e que não encontram espaço nos profissionais. Uma substituição do projeto Samorim, uma parceria que o Fluminense tinha com um clube da Eslováquia e que acabou não dando grandes resultados.
Dentro de campo o elenco trabalhou nesta quinta-feira e o técnico Fernando Diniz já tem uma ideia da equipe que pretende utilizar no jogo deste sábado, às 21h, diante do Atlético-MG na Arena Independência, em Belo Horizonte, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta sexta-feira será encerrada a preparação para o jogo e acontece a viagem da delegação para Minas Gerais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *