Catamarã Charitas não voltará a funcionar

Quem depende do catamarã da estação de Charitas para trabalhar passará a enfrentar um problema. O transporte que leva cerca de 500 passageiros, não voltará a funcionar.

De acordo O Globo Niterói, quem tomou a decisão foi a concessionária CCR Barcas que alegou estar esperando o fim do contrato de concessão para cobrar do Estado a dívida de mais de R$ 500 milhões.

Porém, a CCR Barcas informou que a suspensão do funcionamento da linha Charitas foi determinada pelo Decreto Estadual 47.128/2020, que instituiu ações para o controle e o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus.

O sistema de transporte aquaviário do Rio de Janeiro atende atualmente 22 mil passageiros por dia, uma redução de 70% da demanda em comparação ao número de usuários registrados antes da pandemia da Covid-19.

Dentro das restrições impostas pela pandemia e das alterações operacionais determinadas pelo Poder Concedente, a concessionária segue mantendo a prestação do serviço com qualidade dentro do atual nível de demanda do sistema.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.