Caso Flordelis: Justiça realiza nova audiência

Vítor d’Avila

Na sexta-feira (4) será realizada nova audiência, no Fórum de Niterói, sobre o assassinato do pastor Anderson do Carmo. Ré no processo, suspeita de ser a mandante do crime, a deputada federal Flordelis (PSD-RJ), esposa do líder religioso, estará presente.

Esta será a 3ª audiência realizada para esclarecer o caso. Novas testemunhas serão ouvidas pela juíza Nearis dos Santos Carvalho Arce, da 3ª Vara Criminal de Niterói.

De acordo com o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), cinco pessoas intimadas serão arroladas pelo Ministério Público (MP). O processo ainda segue sem previsão para decisão.

A audiência mais recente foi realizada na última sexta-feira (27), e ficou marcada por acusações de testemunhas contra Flordelis. Entre os ouvidos estava o filho adotivo, Wagner Andrade Pimenta, conhecido como Misael, vereador de São Gonçalo. Em seu depoimento, ele pediu para que os réus deixassem a audiência.

Outra testemunha ouvida foi Regiane Rabelo, que sofreu um ataque a bomba em sua casa, na noite do dia 3 de setembro. Ela e o marido, que são donos de uma oficina mecânica próximo à residência de Flordelis, são ex-patrões do Lucas, primeiro preso por suspeita de participação na morte de Anderson, ao lado do filho adotivo de Flordelis, Flávio.

“Ela só é evangélica porque a igreja dá dinheiro. Mas a primeira religião dela é o espiritismo. Ela procurava os centros para conseguir o que queria, que era a fama. Mas a igreja ela tratava como empresa. Conhecer Jesus para eles era uma forma de ganhar dinheiro”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − nove =