Campus da UFF vai passar por obras de manutenção e reformas

Raquel Morais

A Universidade Federal Fluminense (UFF), através da Pró Reitoria de Administração Proad, publicou um aviso de remarcação de licitação. O documento, publicado pelo Ministério da Educação, faz parte da licitação para a construção do Sistema de Registro de Preços para a contratação de serviços de manutenção e reformas prediais para os campi da UFF Niterói. A licitação será no próximo dia 18 às 10h.

O material a ser licitado será para preparar a estrutura universitária e adaptar os espaços para a nova realidade da pandemia e pós-pandemia. Serão licitados o fornecimento e instalação de divisórias tipo painel e ou drywall, portas completas, isolamentos termoacústicos, forros e vidros. De acordo com a publicação esses materiais serão destinados para reforma ou criação de novos ambientes da UFF em Niterói conforme condições, quantidades, exigências e estimativas, inclusive as encaminhadas pelos órgãos e entidades.


“Estamos já nos adaptando a uma nova realidade. A Universidade, mesmo enfrentando graves restrições orçamentárias, precisa prezar pela segurança das pessoas. Afinal, somos uma comunidade de mais de 50 mil indivíduos, entre técnicos, estudantes e professores e aberta à sociedade. Então, estes investimentos são extremamente necessários. Outro aspecto importante, é que é dever do gestor público zelar pelo patrimônio público e temos feito isso com muita responsabilidade. Estamos utilizando este momento de pouca circulação para reparar e cuidar de pequenas estruturas dos campi da UFF, para cuidar do que é do povo brasileiro”, explicou o reitor da UFF, Antonio Claudio Lucas da Nóbrega.

MAIS INVESTIMENTOS

A UFF divulgou que disponibilizou infraestrutura de manipulação e logística para transporte de nitrogênio líquido. O investimento atende ao Laboratório Multiusuário de Criogenia (CRIO-UFF), responsável pela produção e fornecimento de nitrogênio líquido. O laboratório supre a necessidade de resfriamento de equipamentos ou de congelamento de material de toda a Universidade, desde a Fazenda Escola de Veterinária até o Hospital Universitário Antônio Pedro (Huap). O veículo de pequenas cargas foi adaptado com dispositivos de segurança e foi desenvolvida uma estratégia especial de logística para atender os laboratórios. Atualmente duas estações de fornecimento com equipamentos liquefatores: uma localizada no Campus do Valonguinho e outra nas dependências do NAB, no Campus da Praia Vermelha. O laboratório recebeu também um técnico especializado para manipular os liquefatores, que tem como atribuições controlar o nível de produção, realizar manutenções preventivas nos equipamentos e atender aos usuários durante as retiradas de nitrogênio líquido.

“Estamos avançando em várias frentes como o início ou a entrega de edificações em todos os nossos campi e o apoio direto aos projetos de pesquisa ou de extensão através dos editais Programa de Fomento à Pesquisa (Fopesq) e Fomento à Projetos de Extensão (Foext). Em paralelo, direcionamos investimentos para a renovação e ampliação qualificada do parque de equipamentos da universidade, incluindo a melhoria dos elementos de segurança e logística. Estamos investindo prioritariamente em estruturas e lógicas multiusuários para atender de forma eficiente e ampla às necessidades fundamentais da comunidade científica da UFF”, detalhou Antonio Claudio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − 15 =