Caminhões e vans fazem ‘bandalha’ no Centro de Niterói

Anderson Carvalho –

Apesar de proibido, caminhões e vans estacionam – até em fila dupla, na Rua Badger da Silveira, atrás do Plaza Shopping, no Centro de Niterói, para carga e descarga de mercadorias para as lojas. Durante toda a quinta-feira (21), conforme A TRIBUNA flagrou nos últimos dois dias, entre o final da manhã e o início da tarde. Como se não bastasse o desrespeito à legislação da cidade, tumultuam o já complicado trânsito na área, provocando constantes engarrafamentos. O problema não é antigo.

Mesmo o shopping oferecendo uma área própria para o serviço, muitos caminhões fazem o serviço no meio da via. Segundo o artigo 181, incisos XVIII e XIX do Código de Trânsito Brasileiro, estacionar em locais e horários proibidos pela sinalização configura uma infração média do CTB, punida com multa no valor correspondente a R$ 85,13, com remoção do veículo. Já parar e estacionar é considerado infração grave, com multa de R$ 127,69 e remoção do veículo.

Já segundo o artigo 182, inciso X do CTB, parar em local e horário proibido é uma infração média, com multa de R$ 85,13 e não prevê remoção.
Procurada pela reportagem, a prefeitura informou que enviará equipe ao local para verificar o problema.

Proibição
O Decreto nº 11356/2013, do Município, proíbe a carga e descarga de caminhões (veículos pesados) nas principais vias e eixos viários da cidade nos horários de 6h às 10h e de 16h às 20h nos dias úteis e no horário de 6h às 10h aos sábados. O objetivo da medida foi melhorar o fluxo do trânsito nos horários de pico.

Eis as vias a que se refere o decreto: Av. Jansen de Mello, Av. Marques do Paraná, Rua Miguel de Frias, Av. Jornalista Alberto Francisco Torres, Rua Joaquim Távora, Av. Almirante Ary Parreiras, Rua Dr. Mário Viana, Rua Santa Rosa, Rua Dr. Paulo Cesar, Av. Roberto Silveira, Rua Noronha Torrezão, Rua Des. Lima Castro, Alameda São Boaventura, Av. do Contorno, Av. Feliciano Sodré, Av. Visconde do Rio Branco, Rua Prof. Ernani Pires de Mello, Rua Tiradentes, Rua Dr. Paulo Alves, Rua Pres. Pedreira, Rua Barão do Amazonas, Rua Visconde de Uruguai e Rua Marechal Deodoro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − cinco =