Câmara de Niterói discute retomada das obras do Comperj

Anderson Carvalho

A retomada das obras do Complexo Petroquímico do Estado do Rio (Comperj), em Itaboraí, anunciada pela Petrobras na semana passada, será tema da audiência pública nesta terça-feira (31), às 9 horas, no plenário da Câmara Municipal de Niterói, no Centro. A reunião será promovida pelo vereador Bira Marques (PT). O Consórcio Intermunicipal dos Municípios do Leste Fluminense (Conleste) espera para o primeiro trimestre do ano que vem a contratação de pelo menos 400 trabalhadores com a retomada das obras do pólo.

Estão confirmados para a audiência Luiz Césio Caetano Alves, presidente da Firjan Leste Fluminense; Vicente de Paula Loureiro, diretor-executivo da Câmara Metropolitano do Rio de Janeiro; deputado estadual Waldeck Carneiro (PT); Luiz Paulino Moreira Leite, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico; Edson Rocha, secretário dos Trabalhadores das Indústrias Metalúrgicas; Elizio da Fonseca, presidente da Associação Conselho Empresarial Naval-Offshore e Serviços de Niterói (Asscenon) e José Maria Rangel, presidente da Federação Única dos Petroleiros.

Na reunião entre o presidente da Petrobras, Pedro Parente, com os 15 prefeitos do Conleste, o prefeito de Niterói e presidente do Consórcio, Rodrigo Neves, propôs a criação de um grupo de trabalho, composto de representantes do Consórcio e da empresa para avalizar os investimentos nos municípios e os impactos, além de participar da elaboração do planejamento estratégico que está sendo elaborado para a região. “É fundamental essa sinergia e essa integração para potencializar os investimentos e mitigar problemas. Nossa proposta foi muito bem recebida”, adiantou Neves, que propôs ainda que a Petrobras e as empresas envolvidas no projeto deem preferência à contratação de mão de obra local nos projetos que serão realizados. A proposta foi bem-vista por Parente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *