Câmara de Maricá pede mais segurança à PM

Durante a sessão de quarta-feira (23), na Câmara de Vereadores de Maricá, o presidente da Comissão de Segurança Pública da casa legislativa, vereador Marcus Bambam (PV), comunicou que um ofício foi enviado para o comandante do 12º Batalhão (Niterói) – responsável pelo patrulhamento na cidade, através da 6ª Cia – coronel Márcio Rocha, solicitando a intensificação do policiamento no município. No ofício, assinado pelos parlamentares, entre outros pontos é solicitado reforço no regime Adicional de Serviço (RAS) e o envio de mais policiais para trabalharem nos dias de folga na região.

No documento, é destacado que das viaturas novas destinadas ao 12º BPM (Niterói), num total de dez, pelo governo do estado, apenas uma foi destinada para a cidade de Maricá. “As viaturas que chegaram foram destinadas ao patrulhamento, quando são acionadas pelo serviço de 190. Destinamos uma viatura por setor de RP. Uma dessas viaturas foi enviada para o 4º Comando de Policiamento de Área (CPA) e, como Maricá possui um setor de RP, uma das viaturas novas foi destinada para a cidade, mas há possibilidade (com a entrega da segunda parte das novas viaturas a partir de meados de junho) outras serem destinadas para Maricá”, explicou o subcomandante do 12º BPM, tenente-coronel Fábio Marçal, acrescentando que o batalhão tem recursos para a manutenção de viaturas, por isso as novas foram destinadas para o patrulhamento durante todo o dia.

Roubos a coletivos – Outro assunto que integrou a pauta dos vereadores da cidade de Maricá foi a grande incidência de roubos aos passageiros de ônibus, sobretudo da empresa Nossa Senhora do Amparo, que chega atingir até três registros por semana.

“São pessoas que trabalham no Rio ou Niterói, que sofreram, assaltos quase todos os dias. As pessoas estão sendo barbarizadas, tendo seus pertences subtraídos”, relatou o vereador Robgol (PT). Na tarde da última segunda-feira passageiros da empresa passaram sufoco, quando bandidos roubaram dinheiro e pertences de cerca de 15 vítimas, que estavam num coletivo que fazia a linha Niterói-Maricá. Dessa vez, segundo informes, os assaltantes embarcaram na Avenida Feliciano Sodré, no Centro de Niterói, e se passaram por passageiros. Quando o coletivo passou pela Rodovia Amaral Peixoto (RJ-1014), na altura do Baldeador, os bandidos anunciaram o assalto e roubaram as vítimas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco − dois =