Câmara aprova mudança da Rua Moreira César para Rua Ator Paulo Gustavo

A Câmara de Vereadores de Niterói aprovou hoje (13), por 18 favoráveis e 3 contrários, a mudança do nome da Rua Coronel Moreira César, em Icaraí, para Rua Ator Paulo Gustavo. A proposta foi enviada para a Casa pelo prefeito Axel Grael (PDT) após realizar uma consulta pública para ouvir a população da cidade sobre a alteração, aprovada com mais de 90% dos votos favoráveis. O projeto foi aprovado com emendas que revogam disposições anteriores que poderiam impedir a homenagem. O projeto segue para a sanção do prefeito.

Ao saber da aprovação da medida, o Axel se manifestou agradecendo o entendimento dos vereadores em acatar a homenagem. “Fiquei muito feliz com a aprovação, agora há pouco, na Câmara de Vereadores de Niterói, por 18 votos a 3, da mensagem que encaminhei propondo a mudança do nome da Rua Coronel Moreira César para Rua Ator Paulo Gustavo. Com esta homenagem, Niterói demonstra carinho, admiração e respeito por este artista que, em toda a sua trajetória, enalteceu nossa cidade com sua genialidade e talento”, afirmou.

O projeto em homenagem ao ator não foi aprovado sem antes um debate polêmico e politizado do tema. O vereador Douglas Gomes (PTC) pediu vistas ao projeto como objetivo de tentar barrar a votação, mas o pedido foi posto em votação no plenário e indeferido pela maioria dos vereadores. “A população não está de acordo e não podemos votar isso. Mudar a pauta há 10 minutos da sessão? Isso é uma falta de respeito. Gostaria de registrar a minha indignação da forma que está sendo aprovada está errado. A sentença já foi dada: Axel Grael mandou e todo mundo vai obedecer”, falou em tom de revolta.

O vereador Renato Cariello (PDT), vice-presidente da Casa, pediu uma conduta mais harmoniosa de Douglas Gomes. “Aqui é um lugar para gente divergir, mas jamais faltar com o respeito. Se é para gritar, a gente grita também, mas aqui não é o local adequado para isso. Estou no meu quarto mandato e aqui quem pauta é o conjunto dos vereadores. Acho muito importante homenagear e reconhecer um personagem do mundo artístico que levou Niterói para o mundo e não podemos permitir este tipo de conduta nesse parlamento”, declarou.

Outro a se colocar contra Gomes foi o vereador Daniel Marques (DEM), que disse que as ideias precisam ser ouvidas, mas não há necessidade de aumentar o volume, mas fez ressalvas ao projeto. “Ninguém é contra a homenagem, mas se tem que discutir qual a homenagem é a melhor. A ideia não pode sair da cabeça de alguém e fazer uma consulta, a gente ia conversar com a família, mas não puderam vir. A pressa atrapalhou o debate sobre como seria a melhor forma de fazer a homenagem. Uma mensagem do executivo poderia isentar taxas e dar outras providências”, afirmou dizendo que é muito ruim ter a homenagem maculada pela discussão.

Professor Tulio (Psol) afirmou que a Associação dos Notários e Registradores do Estado do Rio de Janeiro emitiu uma nota dizendo que haverá necessidade de troca ou substituição de nomes obrigatórios nos cartórios que geram despesas extras. “Você que mora na Moreira César, que não será mais a partir de hoje, será Rua Paulo Gustavo a partir de hoje, imaginem a quantidade de pessoas que vão passar em Niterói para visitar a Rua Paulo Gustavo. Sua loja vai estar cheia e vai aumentar o consumo”, disse.

A criação de um corredor cultural com as homenagens a Paulo Gustavo foi citado pelo vereador Folha (PSD). Ele afirma que toda a modificação que ocorra tem quem se coloque contra e quem se manifeste a favor. “Na primeira análise, toda mudança nos deixam apreensivos, mas após essa consulta popular nós temos que respeitar essa decisão. Quantas pessoas não foram contra o MAC, mas isso hoje incrementa o turismo na cidade. Entendemos a dor da família, na posição dos pais do Paulo Gustavo, mas é preciso aprovar essa homenagem”, comentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 5 =