Cabo Frio lança questionário para elaboração do Plano Municipal de Saúde

A Prefeitura de Cabo Frio lançou na quarta-feira (19) a primeira etapa participativa para elaboração do Plano Municipal de Saúde. Até o dia 1º de junho ficará disponível o questionário onde a população pode dar opinião sobre o planejamento futuro da gestão na área da Saúde na cidade. O documento está disponível na página oficial da Prefeitura.

O questionário conta com perguntas que abrangem todas as áreas da saúde no município, desde o atendimento da atenção básica, até a assistência ambulatorial, hospitalar, urgência, emergência, farmacêutica e vigilância em saúde.

Esta etapa é fundamental para que o Plano Municipal de Saúde seja elaborado de acordo com as necessidades da população. Quanto mais pessoas participarem, maior será a abrangência e a compreensão das melhorias para a cidade.

Os dados serão utilizados como parâmetros para definir as diretrizes das políticas públicas na área da saúde pelos próximos quatro anos.

“Estamos vivendo um momento delicado por conta da pandemia da Covid-19. No entanto, o Plano Municipal leva em conta também outras demandas da Saúde no âmbito municipal. Além disso, é o momento de analisarmos e planejarmos, junto com a população, priorizando em curto, médio e longo prazo as necessidades de atendimento. O plano trará melhorias tanto para os cabo-frienses como também para os profissionais de saúde, que têm lutado pela vida de cada paciente neste período”, diz o secretário de Saúde, Felipe Fernandes.

A elaboração do Plano Municipal de Saúde começou com a análise situacional do município. Após o levantamento do cenário atual, chegou a vez da participação dos cidadãos.

A próxima etapa consiste na realização de encontros virtuais com trabalhadores e usuários do SUS, e com representantes da sociedade civil organizada. O resultado dessas diretrizes norteará os processos de planejamento, operacionalização, monitoramento e avaliação das ações de saúde.

O Plano Municipal de Saúde é uma obrigação da gestão pública, que deve realizar, no primeiro ano de governo, um planejamento de gestão que valerá pelos próximos quatro anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.