Botafogo não pensa em ‘secar’ rivais para facilitar a própria situação

O Botafogo abriu a 32ª rodada do Campeonato Brasileiro vencendo o Santa Cruz, por 1 a 0, em Pernambuco. Agora, vai acompanhar os jogos dos rivais no fim de semana torcendo para que os resultados sejam favoráveis. Independentemente do que acontecer, porém, o time carioca vai permanecer no G6, a zona de classificação para a Copa Libertadores. Com 53 pontos, os jogadores botafoguenses deixam a arte de torcer contra os rivais para a torcida mesmo. A ordem é se preocupar apenas com os próprios compromissos.

“O Botafogo só conseguiu dar essa grande arrancada no segundo turno do Campeonato Brasileiro, ganhando a maioria dos jogos e afastando de vez o risco de rebaixamento, porque sempre encarou um desafio de cada vez. Não buscou pensar a longo prazo, pois o jogo mais complicado é sempre o que está por vir. Não pensou nos demais jogos, de concorrentes, porque sempre soubemos que fazendo a nossa parte os objetivos seriam conquistados. Claro que a gente sempre quer ter rodada favorável, mas isso não depende de nós e por isso mesmo nos acostumamos a pensar apenas nos nossos jogos”, afirmou o goleiro Sidão.

O discurso é quase o mesmo de todos os integrantes do elenco. “Vamos trabalhar sempre pensando nos nossos jogos, pois não podemos interferir no que vai acontecer nas demais partidas. Se outros resultados nos ajudarem, melhor, pois queremos muito avançar. Mas de nada vai adiantar acontecer tudo de bom se não fizermos a nossa parte”, analisou o lateral esquerdo Victor Luís.

Nem mesmo a torcida para o Atlético-MG ganhar a Copa do Brasil e tornar o G3 (que dá vaga na fase de grupos da Copa Libertadores) em G4 parece motivar os botafoguenses.

“A gente sempre trabalha no sentido de colocar o Botafogo no lugar mais alto da tabela de classificação. Sabemos que a primeira posição está complicada, pois a distância é grande. Mas podemos tentar um terceiro lugar, um segundo quem sabe. Portanto, o nosso pensamento tem sido sempre no sentido de ganhar os nossos jogos e não vamos modificar essa estratégia neste momento”, disse o atacante Rodrigo Pimpão.

Na manhã desta sexta-feira o elenco treinou em General Severiano, mas apenas os reservas foram a campo. Os titulares ficaram na academia reforçando a musculatura. O próximo compromisso será contra o Coritiba, pela 33ª rodada, no sábado dia 29 de outubro, às 18h30 (de Brasília), na Arena Botafogo, no Rio de Janeiro (RJ).

Com a semana livre para treinos fica a expectativa pela recuperação do lateral-esquerdo Diogo Barbosa, se recuperando de entorse no tornozelo esquerdo, e do volante Aírton, com dores na coxa esquerda. O plantel ganhou o fim de semana de folga para descansar da maratona de jogos e se reapresenta na segunda-feira para iniciar a preparação para o duelo contra o Coritiba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete + nove =