Bombeiros reiniciam buscas por jovem desaparecido em Itacoatiara

O Corpo de Bombeiros continua buscando um jovem, que teria aproximadamente 17 anos, desaparecido desde domingo (30), na orla de Itacoatiara, Região Oceânica do Rio de Janeiro. Por volta das 7h desta segunda-feira (31), o Corpo de Bombeiros reiniciou a procura pela região.

De acordo com a corporação, a equipe de guarda-vidas está mobilizada nas buscas. Agentes também contam com o auxílio de um veículo aéreo não tribulado, o drone. O tempo na região está encoberto com pancadas de chuva. Por conta disso, os Bombeiros ainda avaliam se será utilizado o helicóptero.

O primeiro acionamento aconteceu às 10h10min de domingo. De acordo com os primeiros relatos de testemunhas aos bombeiros, a vítima entrou na água sem equipamentos de natação ou mergulho. Na ocasião, as buscas foram iniciadas com o uso de motos aquáticas, além do helicóptero.

Perigos

Em 23 de janeiro, o jornal A TRIBUNA publicou reportagem sobre o perigo de afogamentos em praias da região. Uma delas foi a Praia do Recanto, distrito de Itaipuaçu, em Maricá, onde, ao longo do mês, aconteceram diversos casos. O Corpo de Bombeiros enviou uma lista de recomentações para evitar:

– Procurar sempre locais próximos aos postos de guarda-vidas;
– Respeitar as placas e/ou bandeiras de sinalização;
– Perguntar ao guarda-vidas qual o local mais apropriado para o banho de mar;
– Não ingerir bebidas alcoólicas e entrar no mar;
– Evitar entrar na água logo após se alimentar;
– Não desviar a atenção das crianças. Vale identificá-las com nome e telefone para contato;
– Caso saiba e pretenda nadar, a orientação é praticar a atividade paralelamente à areia;
– Evitar locais que são conhecidos como points de surfistas. Desta forma, é possível prevenir acidentes com pranchas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.