Bolsonaro faz insinuação homofóbica contra governador do RS

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em visita ao Rio Grande do Sul, fez insinuações homofóbicas tendo como alvo o governador do Estado, Eduardo Leite (PSDB). O chefe do Poder Executivo Estadual , recentemente, assumiu sua homossexualidade. As imagens foram gravadas e divulgadas nas redes sociais.

A fala aconteceu durante a feira agropecuária Expointer, na cidade de Esteio. Ao passar por uma exposição de peças de salame, Bolsonaro apontou para um deles e disse que seria “do governador”. “Esse salame é do governador aqui do Rio Grande do Sul”, disse o presidente, que estava acompanhado da ministra da Agricultura Tereza Cristina.

Eduardo Leite, ainda de que forma breve, reagiu à fala do presidente, através de suas redes sociais. Em referencia a um pedido para que recebesse Bolsonaro, Leite, ao republicar o vídeo, publicou a seguinte legenda: “A esse cidadão que queriam que eu desse ‘boas vindas’ na Expointer”, questionou o governador.

Até o momento, Bolsonaro não se pronunciou sobre a fala. Eduardo Leite não anunciou se pretende processar o presidente pela fala. É importante ressaltar que, na sexta-feira (10), ele venceu uma ação contra o ex-deputado federal Roberto Jefferson (PTB), que também fez ofensas homofóbicas ao governador gaúcho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − treze =