Bolsonaro é barrado em estádio por não estar vacinado

O presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), foi barrado no estádio da Vila Belmiro, em Santos, Litoral de São Paulo, por não estar vacinado contra a Covid-19. O presidente foi ao local na tentativa de assistir à partida entre Santos e Grêmio, pelo Campeonato Brasileiro.

O acesso de Bolsonaro ao estádio foi impedido porque em Santos está valendo o “Passaporte da Vacina”, ou seja, para entrar em eventos, é necessário estar com o ciclo vacinal completo. O presidente reagiu com indignação à medida.

“Por que cartão, passaporte da vacina? Eu queria ver o jogo do Santos e me falaram agora que tem que estar vacinado. Por que isso? Eu tenho mais anticorpos do que quem tomou a vacina”, disse Bolsonaro, novamente sem apresentar evidências científicas que corroborem seu relato.

A visita de Bolsonaro a Santos não consta na agenda oficial do presidente da República. A equipe local enfrenta o Grêmio em confronto direto contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Com a liberação da volta de parte do público, a equipe paulista comercializou 4.644 ingressos para a partida. Todos foram esgotados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 3 =