Aumenta procura por testes de Covid-19 em São Gonçalo

Augusto Aguiar

Os postos de triagem para realização de testes rápidos de Covid-19, situados na Praça Zé Garoto, em São Gonçalo, formaram longas filas no início da manhã de quinta-feira (26). Por volta das 6h, elas se estendiam por vários metros com pessoas aguardando para entrar, mesmo com o expediente começando apenas às 8h. Ao todo são 14 centros de testagem no município.

“Essa ameaça da segunda onda de coronavírus está deixando a população preocupada e as pessoas estão procurando os postos para realizarem os testes. Fica uma expectativa em casa. Sei que em São Gonçalo o número de casos está crescendo e, sinceramente, não está dabdo pra dormir sossegado”, afirmou o vendedor Carlos Castilho dos Santos, morador do bairro Mutondo, que aguardava sua vez para ser atendido.

Algumas pessoas reclamaram do fato que poucas senhas para atendimento haviam sido distribuídas antes das 8h.

“Teve um princípio de estresse no início do atendimento mais depois foi se normalizado a fila acabou. Tem muita gente que quer ser logo atendida, mas tem que ter paciência. Essa doença está acabando com a paciência das pessoas”, afirmou a dona de casa Rosâgela Maria, moradora do bairro São Miguel, que chegou ao posto por volta das 9h e foi atendida.

A Prefeitura de São Gonçalo confirmou que a procura por testes rápidos de Covid-19 teve aumento desde a semana passada, e que novos locais de testagem devem ser abertos em breve para atender a demanda na cidade. De acordo com informações, no primeiro dia de funcionamento dos postos para realização de testes rápidos, foram atendidas pela manhã 497 pessoas.

No dia 19 a Prefeitura de São Gonçalo anunciou a intensificação das medidas de distanciamento social por conta do crescimento do número de casos de Covid-19. As medidas se estenderiam até hoje, com possibilidade de prorrogação. Um dia após o decreto intensificando as medidas, o município – que passou de bandeira amarela (baixo risco) para bandeira laranja (risco médio) – informou que estava com todos os leitos destinados ao tratamento de Covid-19 ocupados, no CTI e Enfermaria. Na triste estatística de número de mortos por Covid-19 no Estado, São Gonçalo ocupa a segunda colocação, superada apenas pela capital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 3 =