Audiência vai discutir fechamento da Praia de Icaraí aos domingos

Raquel Morais –

No mês passado duas faixas de rolamento da Praia de Icaraí, sentido São Francisco, foram fechadas para lazer e caminhada dos niteroienses e a medida foi bem aceita pelos frequentadores do local. O agrado foi tanto que amanhã, às 20h, terá uma audiência pública na Câmara dos Vereadores de Niterói para discutir a implementação desse fechamento, de forma fixa, todos os domingos, de 8h às 18h.

O presidente da Niterói Transportes e Trânsito (NitTrans), coronel Paulo Afonso, foi convidado para participar da audiência e disse que o setor de engenharia de tráfego já analisou a possibilidade do fechamento da via, no trecho entre as ruas Álvares de Azevedo e Almirante Ary Parreiras. Seria possível, sem transtornos para o trânsito da cidade, se fosse implementada uma pista reversível na Avenida Roberto Silveira. Essa pista auxiliar se somaria às ruas Gavião Peixoto e Coronel Moreira César e seriam três vias permitidas para acesso ao bairro de São Francisco.

“A circulação seria viável mediante a reversível. O experimento do mês passado foi bem aceito pelos niteroienses e isso acontece no Rio de Janeiro. Em termos de trânsito e circulação a possibilidade é muito boa”, contou Paulo Afonso. A reversível teria que funcionar de 8h às 17h30min. Atualmente, a pista auxiliar é implantada somente aos sábados, das 11h às 15h.

O casal de aposentados Maurício e Amélia Moreno estava presente no final de semana em que as faixas de rolamento da Praia de Icaraí foram fechadas. “Foi muito bom e andamos de bicicleta tranquilos. Fiquei muito à vontade e com mais espaço para circulação. No final de semana, principalmente no domingo, é muito grande o número de pedestres e ciclistas no calçadão. Se a gente somar a quantidade de criança aprendendo a andar de bicicleta, patinete e até patins, realmente o calçadão está com capacidade inchada. Será maravilhoso se esse projeto foi realmente aprovado”, comentou Maurício, que já morou em Copacabana, onde o calçadão também ganha algumas faixas de rolamento como extensor.

O presidente da Câmara de Vereadores de Niterói, o vereador Milton Cal, explicou que a audiência pública vai discutir com os parlamentares e a sociedade civil a viabilidade dessa implantação. Ele ainda ressaltou que a ideia foi da mesa diretora, composta por Leandro Portugal, Ricardo Evagelista, Manoel Rocha e João Gustavo. “Vamos ver o que a população acha sobre esse assunto e só depois vamos nos posicionar”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito + 7 =