Atores fazem vaquinha online para produzir filme

Uma companhia teatral do Rio de Janeiro está arregaçando as mangas para lançar o primeiro filme, mas para isso está promovendo uma vaquinha online . A Sotim resolveu criar a campanha para arrecadar recursos para a produção do filme “Argema”. O média-metragem já está sendo gravado e a previsão de lançamento é para o mês de novembro.

A produção tem a proposta de abordar a urgência de falar sobre uma sociedade com padrões a serem seguidos como verdades absolutas, mas que, na verdade, deixam as pessoas reféns de uma falsa liberdade. O filme traça um paralelo entre a cidade e a natureza, e de como isso afeta as pessoas nas suas relações e ações coletivas e individuais. Além disso, a média-metragem fala sobre as poluições sonora, luminosa e visual como umas das grandes responsáveis por desnortear e acelerar o tempo e os prós e contras das tecnologias atuais, fazendo uma reflexão sobre a depressão no Brasil e o despertar do amor-próprio, a percepção de que a natureza em sua totalidade é vida, e sua contraposição com a cidade que nos aprisiona e automatiza o modo de vida.

Idealizador e diretor do filme, Wayne Marinho, falou que a proposta da companhia é levar à telona a discussão que o grupo já fazia em diversas peças nos palcos. Além disso, ele explica que encontrou no cinema uma alternativa para mostrar a obra já que os teatros ainda se encontram com restrições por causa da pandemia.

“Nosso anseio pelo constante ato de criar nos leva a Argema, nosso mais recente trabalho, dessa vez fora dos palcos. Neste momento delicado e totalmente novo, sabemos a situação que a cultura se encontra, o teatro especificamente que é a nossa origem, está fechado. Então vimos a importância e a urgência de criarmos um trabalho no audiovisual. Esse filme é o fruto de um movimento de renovação e ação”, disse Wayne Marinho, idealizador e diretor do filme.”O Filme

Para produzir o filme, os jovens lançaram uma vaquinha online com o objetivo de arrecadar R$2.600,00 . A campanha está no ar e já arrecadou cerca de R$500,00 ou seja, quase 20% do valor desejado.

As doações poderão ser feitas por meio do site Apoia-se com valores a partir de R$5,00  (https:// apoia.se/argemafilme). O doador tem a opção de pagar via cartão de crédito ou boleto bancário. De acordo com o valor doado, uma recompensa é definida ao doador.  De R $5,00 a 9,00 os doadores terão acesso ao mural da companhia, com informações sobre as gravações.   De R$10 até 19, os doadores terão seus nomes nos créditos do filme. Há também convites para pré-estreia, bate-papo com o elenco, além de camisas e canecas personalizadas.

A Companhia nasceu em 2016, através do encontro de artistas na ETE de Teatro Martins Penna, a Escola de Teatro mais antiga da América Latina. Por conta da pandemia do novo coronavírus, a companhia precisou se reinventar. Atualmente conta com 7 integrantes, atores/propositores, dispostos a vivenciar mais este desafio que é produzir um filme sem muitos recursos em uma pandemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 7 =