Atlético-MG sai na frente do Fluminense na Copa do Brasil

O Atlético-MG foi mais eficiente e derrotou o Fluminense por 2 a 1, na noite de quinta-feira (26) no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Este resultado deu uma importante vantagem para o Galo, que agora decide com o Tricolor a vaga para as semifinais da competição no dia 15 de setembro, no estádio do Mineirão. As duas equipes voltam entrar em campo agora pelo Campeonato Brasileiro. No domingo (29) o Atlético-MG visita o Bragantino. Um dia depois o Fluminense recebe o Bahia no Maracanã.

Com o passar do tempo o Galo tomou conta da partida, e não demorou a abrir o marcador. Aos 13 minutos Nacho aproveitou uma sobra de bola para finalizar. A bola desviou no zagueiro Nino e ficou a dúvida se a bola entrou ou não. Mas, após consulta ao VAR (árbitro de vídeo), o juiz confirmou o gol.

E o defensor brasileiro voltou a aparecer novamente com destaque aos 36 minutos, quando foi derrubado na área. Com auxílio do VAR, o juiz Anderson Daronco confirmou a penalidade máxima, que foi cobrada por Fred aos 41 minutos para deixar tudo igual. Com este gol, o camisa 9 do Fluminense empatou com Romário no topo da artilharia histórica da Copa do Brasil, com o total de 36 tentos.

Mas o time das Laranjeiras não conseguiu levar o empate para o intervalo. Aos 48, Hulk puxou contra-ataque com Nacho e chutou para vencer o goleiro Marcos Felipe.

Apesar de iniciar a etapa final com vantagem, o Atlético-MG começou adiantando suas linhas e negando espaços ao Fluminense. Com o passar do tempo as ações se equilibraram, inclusive com Fred colocando uma bola na trave, mas o triunfo do time mineiro perdurou até o fim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 − 10 =