Até escolas são alvo de furto em São Gonçalo

Nem mesmo as instituições de ensino estão imunes às ações criminosas. Na manhã desta segunda-feira (3), às 7h20, dois homens foram detidos em flagrante, acusados de furtar carteiras de um colégio desativado, no bairro Vila Lara, em São Gonçalo. Segundo responsáveis pela unidade de ensino, os casos do tipo são corriqueiros.

Uma equipe da operação “Segurança Presente”, que estava em patrulhamento pela Rua Sá Carvalho, altura do número 200, estranhou a dupla levando os materiais, em um carrinho de supermercado. Questionados, os homens afirmaram que receberam como doação, de um funcionário da escola particular, que está desativada.

Os agentes detiveram os suspeitos e os levaram até a escola, para que o funcionário confirmasse as informações. Entretanto, este último negou os fatos. Todos foram conduzidos à 73° DP (Neves), para registro da ocorrência.

Na distrital, um representante da escola compareceu para acompanhar os desdobramentos. Ele confirmou que a unidade é alvo de constantes furtos e testemunhou e endossou a versão do funcionário. A dupla acabou ficando presa, em flagrante, por furto.

“Me ligaram hoje cedo, informando que eu tinha que ir lá no colégio para saber o que estava acontecendo. O colégio está desativado já tem um tempo. A gente mantém o imóvel porque, como há muitos moradores de rua, depois que entram é difícil para retirar”, relatou o representante, que preferiu não ter a identidade divulgada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 17 =