AstraZeneca: 2 milhões de doses importadas da Índia chegam a SP

Com um atraso de cinco dias, as vacinas de Oxford produzidas pelo Instituto Serum, na Índia, acabam de chegar em São Paulo. Após o governo indiano autorizar as exportações comerciais do imunizante ao Brasil, o país recebe 2 milhões de doses.

Segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), os imunizantes estarão prontos para uso no sábado (23) à tarde, após checagem de qualidade e segurança, além de rotulagem e etiquetagem.

O lote foi transportado em voo comercial da companhia Emirates ao aeroporto de Guarulhos. Após os trâmites alfandegários, seguirá em aeronave da Azul para o aeroporto internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro.

O governo indiano havia suspendido a exportação de doses até iniciar seu próprio programa doméstico de imunização, no fim de semana passado. A Índia havia apenas enviado remessas de vacinas gratuitas a países vizinhos como Butão, Maldivas, Bangladesh e Nepal. Agora, liberou as comerciais, e Brasil e Marrocos são os primeiros beneficiados.

“Em relação ao prazo para entrega das vacinas que estamos importando da Índia, eu não posso mencionar agora um prazo, mas queria reiterar que está bem encaminhado e que estou conduzindo pessoalmente as conversações com as autoridades da Índia”, afirmou o ministro das Relações Exteriores brasileiro, Ernesto Araújo.

Na semana passada, após expectativa de que as vacinas fossem enviadas para o Brasil, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Índia, Anurag Srivastava, afirmou que era muito cedo para dar respostas sobre exportações das vacinas produzidas no país, já que a campanha nacional de imunização ainda estava só começando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − 2 =