Após derrota, flamenguistas aguardam demissão de Renato Gaúcho

Técnico do Rubro-Negro, Renato Gaúcho corre sério risco de perder o emprego. Diretores e conselheiros do clube carioca dão como certa a demissão, inclusive por “justa causa”. A decisão da diretoria do Flamengo não teria relação direta com o resultado da final da competição sul-americana. Mas, sim, com os fatos que aconteceram durante a partida realizada na terça (23), pelo Campeonato Brasileiro, entre Flamengo e Grêmio  

Segundo conselheiros do clube carioca, há provas de que Renato Gaúcho facilitou a partida para o Grêmio. Gravações do campo e leitura labial comprovariam o fato. Sua equipe vencia por 2 a 0, com dois gols do atacante Vitinho, mas permitiu o empate e quase a virada dos gaúchos, que jogavam com um a menos, em Porto Alegre. Torcedores rubro-negros lotaram as redes para pedir a demissão do técnico após a partida.

Com péssima campanha no Brasileirão, o Grêmio corre sério risco de ser rebaixado para a Série B em 2022. Por isso, um resultado positivo seria fundamental para a tentativa de fuga da queda para a segunda divisão

Em uma das leituras labiais flagradas durante o jogo, um auxiliar de Renato, após o segundo gol carioca, diz para ele: “É hora de tirar o Vitinho antes que ele faça outro”, se referindo à possibilidade de o atacante marcar o terceiro gol rubro-negro.

As suspeitas vieram à tona porque Renato é extremamente identificado com o Grêmio. Ele jogou por muitos anos no time do Sul, inclusive participando das principais conquistas da trajetória gremista, como a Libertadores e o Mundial de 1983. Além disso, foi o técnico mais vencedor da história do Tricolor gaúcho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − 11 =