Após anúncio de inclusão da categoria, greve de ônibus é suspensa

Após anúncio que a greve marcada para essa segunda-feira (26) teria dado lugar a uma paralisação dos rodoviários das 5h30min até às 8h da manhã, a interrupção dos coletivos nesse horário foi suspensa em Niterói. Parte da direção do Sindicato dos Rodoviários de Niterói a Arraial do Cabo (Sintronac) está no Terminal João Goulart, no Centro de Niterói, e a paralisação não ocorreu e deu lugar a uma ação educativa com distribuição de panfletos e exposição de faixas para a população. A categoria pede a inclusão no grupo prioritário para o recebimento da vacina contra a Covid-19.

Adriano Félix, diretor do Sintronac, explicou como acontece a dinâmica em Niterói. “Depois de buscarmos entendimento junto as prefeituras que compõem a nossa base territorial, felizmente recebemos boas notícias por parte de Niterói e Maricá que atenderam os nossos pedidos. Em Niterói está acontecendo um ato educativo. Estamos panfletando e cerca de 20 rodoviários visitando os pontos e conversando com os trabalhadores. Não teve a necessidade de paralisação em Niterói e sim uma conscientização”, explicou.

Adriano Félix – Fotos Marcelo Feitosa

Félix ainda frisou que em outras cidades, como São Gonçalo e Itaboraí, a paralisação também está sendo estudada. “A nossa visão para as próximas horas ou dias será uma avaliação sobre Itaboraí e São Gonçalo. Esperamos a sensibilidade desses municípios que possam atender nossa reivindicação. Na nossa base territorial temos 51 óbitos e é um número muito alto. Como categoria essencial precisamos dessa prioridade na vacinação”, contou Adriano.

Fotos Marcelo Feitosa

O Superintende dos Terminais Rodoviários de Niterói, Henrique Félix, acha legítima a reivindicação do grupo. “Temos um governo técnico e não temos um governo político. Incluir por incluir seria muito fácil, conforme estamos vendo outros municípios incluindo os rodoviários no grupo de prioridade desde que esteja com a faixa etária de 59 anos. É necessário sim, trabalho junto e direto com os rodoviários, mas é necessário também, os caixas de supermercados, a secretária do lar, os porteiros e pessoas que trabalham com pessoas e não trabalham com máquinas”, pontuou.

Henrique Félix – Fotos Marcelo Feitosa

SÃO GONÇALO

Em São Gonçalo os representantes do Sintronac estão no Terminal de Alcântara. “É uma paralisação de advertência para chamar atenção das autoridades. É parcial. Temos uma preocupação com a população e deve ser de acordo com os próprios rodoviários. Está sendo de forma parcial para que posteriormente possamos tomar uma decisão mais séria, ou revogar se for o caso. O sistema está de forma parcial e alguns coletivos estão circulando e outros não. Mais tarde teremos uma avaliação e podemos tomar uma decisão”, contou Adriano Félix.

Divulgação Sintronac

Raquel Morais e Marcelo Feitosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + 7 =