Agentes federais cumprem mandados contra advogado de réus da Lava Jato

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta sexta-feira (23), mandados de busca e apreensão em cinco endereços ligados ao advogado Nythalmar Dias Ferreira Filho, que representa réus da Lava Jato no Rio.Entre os clientes estão o empresário Arthur Soares, que ficou conhecido o Rei Arthur; o ex-dono da Delta Construções Fernando Cavendish; e o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Segundo as investigações, Nythalmar venderia a ideia de que era próximo do juiz  Marcelo Bretas, titular da 7ª Vara Federal Criminal do Rio,e procuradores da República. O magistrado, que não é alvo da operação, nega qualquer ligação com o advogado, que exigia altos honorários em troca de penas mais brandas, para acordos de delação premiada. Os mandados de busca foram cumpridos nos bairros do Catete e Ipanema, na Zona Sul, além de Centro e em Campo Grande, na Zona Oeste. Os mandados foram expedidos pela juíza Rosália Monteiro Figueira, da 3ª Vara Federal Criminal do RJ.

A operação dessa sexta-feira foi realizada com base em um inquérito aberto a partir de uma representação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RJ) encaminhada para à força-tarefa da Lava-Jato no Rio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + dezenove =