Adolescente é detido planejando ataque em Niterói

A única dúvida era: explodir a passarela do Plaza Shopping ou atirar a esmo na praça de alimentação. Este era o objetivo, segundo a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA-Niterói), de um adolescente apreendido na tarde desta terça-feira (19), com planos para ataques em Niterói. O menor de 17 anos planejava atacar o Instituto de Educação Professor Ismael Coutinho (Iepic), colégio que ele estudava, e depois seguir para o shopping. Em suas redes sociais, policiais encontraram ameaças, procura por armas e planos para realizar o ataque.

Segundo a especializada, a equipe recebeu uma denúncia na tarde de ontem que supostamente um adolescente planejava um ataque em Niterói parecido com o que aconteceu em Suzano, em São Paulo. Os agentes conseguiram localizar o menor nas redes sociais, onde havia indícios reais do ataque. Por conta disso, a Justiça expediu um mandado de busca e apreensão para a residência do adolescente, que vive com a avó, após ser abandonado pelos pais.

De acordo ainda com a Polícia, os agentes encontraram uma fantasia do seriado La Casa de Papel, além de conversas nas quais ele planejava atentar contra três pessoas com quem tinha desavença no colégio onde estuda. Após o ataque ao Iepic, o adolescente ainda planejava um segundo atentado, no Plaza Shopping, localizado a 800 metros do colégio. Não foram encontradas armas na residência do menor, que em depoimento admitiu o planejamento. Por conta disso, a especializada investiga se mais pessoas estariam envolvidas no planejamento do ataque.

“Em flagrante ele não está, diante do depoimento dele e da vó, vou pedir a internação provisória para o juiz de plantão. Existe a suspeita de um segundo envolvido, vamos agora investigar as conversas dele, no tablet para tentar chegar a este pessoa. Esse segundo envolvido ficou de fornecer arma e uma susposta bomba para o ataque ao Plaza”, esclareceu o delegado da DPCA – Niterói, Robson Gomes. Até o fechamento desta edição, o adolescente prestava depoimento da DPCA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *