Acusado de matar policial na Região Oceânica é preso em flagrante

Está preso um dos suspeitos de participar da ação que resultou na morte do policial militar Douglas de Carvalho Cruz, de 32 anos, na noite dessa terça-feira (7), na comunidade do Jacaré, Região Oceânica de Niterói. O acusado foi capturado após ser baleado durante troca de tiros, enquanto tentava fugir, momentos após o crime.

Segundo informações da Polícia Militar, uma equipe do Batalhão de Ações com Cães (BAC), que estava atuando em Niterói, após receber informações sobre as características do carro onde os envolvidos no crime estariam sendo transportados, montou um cerco na tentativa de abordar os criminosos. Quando os policiais deram a ordem de parada, os suspeitos saíram do automóvel e fugiram para uma região de mata, em Charitas.

Apenas o motorista permaneceu no local, sendo conduzido pelos PMs à Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá (DHNSG). Uma equipe da operação Segurança Presente foi acionada para apoiar os agentes do BAC na tentativa de capturar os homens que fugiram para a mata. Ainda segundo os PMs, os criminosos atacaram os agentes a tiros. Houve confronto no local.

Ainda na região de mata, os policiais conseguiram encontrar um dos suspeitos de envolvimento no assassinato. O acusado acabou sendo baleado durante a troca de tiros com os militares. De acordo com a Delegacia de Homicídios, o baleado foi socorrido a uma unidade de saúde da região, onde recebeu voz de prisão em flagrante, por haver indícios de envolvimento na morte do policial Douglas.

O motorista do carro, em um primeiro momento, foi ouvido na condição de testemunha e não foi preso.

Segurança Presente

Tendo participado da ação que resultou na captura do suspeito, a operação Segurança Presente, desde a última sexta-feira (3), vive nova fase em Niterói. Agora gerido pelo Governo do Estado, o projeto substitui o antigo Niterói Presente, operacionalizado pela Prefeitura de Niterói. A Região Oceânica, onde ocorreu o crime, faz parte do cronograma de patrulhamento.

Recordando

O clima foi de tensão na comunidade do Jacaré, em Piratininga, na Região Oceânica de Niterói, na noite desta terça. Um policial militar de folga foi alvejado a tiros no local, sendo morto numa ação criminosa. A Polícia Militar chegou a interromper o trânsito na Estrada Francisco da Cruz Nunes, entre o Shopping Itaipu Multicenter e a Estrada Frei Orlando, no sentido Cafubá.

A Frei Orlando é a principal via de acesso ao Jacaré. Houve uma operação de incursão na comunidade momentos após o crime e o clima era de apreensão por parte de moradores e motoristas que trafegavam próximo ao local. Informações da Polícia Civil dão conta de que o corpo do Policial Militar foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento Mário Monteiro, mas o agente acabou morrendo cerca de meia hora após dar entrada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze − dois =