Homem é morto em confronto no Morro do Estado

Augusto Aguiar –

Policiais do 12º BPM (Niterói) que realizavam, no fim da madrugada de ontem, uma incursão no Complexo do Estado, foram recebidos a tiros dando início a intenso tiroteio na localidade com criminosos ligados ao tráfico e a facção criminosa Comando Vermelho (CV). O saldo foi de um suspeito morto, além da apreensão de uma pistola, rádio transmissor e drogas.

Os militares vasculhavam uma localidade do Morro do Estado, conhecida como Beco das Bombas, quando teve início o confronto, já que avistaram suspeitos, que efetuaram disparos na direção dos policiais do Grupamento de Ações Táticas (GAT). Logo a seguir, os policiais encontraram um indivíduo baleado, em posse de uma pistola calibre 9mm e uma mochila contendo material entorpecente e rádio transmissor. O acusado ainda foi socorrido mas morreu ao dar entrada no Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal). A ocorrência foi registrada na Divisão de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG).

No dia 29 de maio, após várias denúncias sobre o clima tenso no conjunto de comunidades que compõem o Complexo do Estado, por conta de uma guerra de facções pelo controle do tráfico, policiais militares do 12º BPM prendeu dois acusados e apreendeu outros dois apontados como integrantes de um grupo ligado ao CV que invadiu a comunidade e tomou pontos rivais (do TCP) de venda de drogas. Na ocasião, a polícia confirmou que bandidos (parte vinda do Rio) teriam invadido o Complexo do Estado e desde então passaram a aterrorizar os moradores. A PM explicou ainda que dois traficantes, conhecidos como Boladinho (ou BL) e Mano, que anteriormente integravam o grupo do TCP, que controlava o tráfico no Complexo do Estado, teriam dado o chamado “golpe” e tomado os pontos de venda de entorpecentes, anteriormente comandados segundo a polícia pelo criminoso conhecido por Anão (Wallace Araújo Torres). Este foi preso em 2013 e atualmente está numa unidade federal de segurança máxima.

Segundo denúncias de moradores, o grupo invasor (CV) chegou com reforço de armas e “soldados do tráfico” de localidades com o Complexo da Viradouro, na Zona Sul de Niterói, Rio, e outras comunidades de São Gonçalo. Os pontos de venda de drogas da comunidade vizinha do Palácio, no bairro do Ingá, também teriam sido invadidos. Desde então a PM passou a intensificar o patrulhamento na região em estado de alerta para um confronto entre criminosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *