Sesc encerra atendimentos odontológicos em Niterói e em SG

Geovanne Mendes –

O Sesc anunciou o fim do serviço de atendimento odontológico nas unidades de Niterói e São Gonçalo, deixando preocupados muitos de seus associados. Os usuários precisarão ir ao Rio de Janeiro ou à Baixada Fluminense quando precisar de tratamento de um dentista. Na sexta-feira (31) foram realizadas as últimas consultas nas unidades.

“Vim procurar saber se tinha como marcar consulta para mim e meus filhos e infelizmente eles não estão atendendo mais. Lamentável! Para a gente que é pobre, essa era a melhor alternativa”, lamentou Maria Izabel, de 34 anos, dona de casa e mãe de duas crianças, que procurou atendimento no Sesc Niterói.

Já na unidade de São Gonçalo 15 dentistas e auxiliares foram dispensados de suas atividades, esse número é metade da força de trabalho odontológica, quem permaneceu até sexta-feira e realizou os seus últimos atendimentos, sendo que possivelmente serão reaproveitados em outras unidades.

Segundo informações de um dentista que não quis se identificar e que trabalhava na unidade de São Gonçalo, antes de encerrar o serviço odontológico, o Sesc alterou o valor da consulta, passando a cobrar R$ 30, o dobro do preço praticado nesta segunda (03).

Como opção de tratamento gratuito, os moradores de Niterói podem recorrer ao atendimento do curso de Odontologia da Universidade Federal Fluminense (UFF). No entanto, as consultas gratuitas e novas vagas serão abertas só em setembro, com agendamento pelos telefones 2629-9920 e 2629-9901.

Mudanças
Em nota, o Sesc informou que, após uma reformulação, o atendimento odontológico da instituição passa a ter foco principal na ação preventiva, com consultas de clínica geral e outros procedimentos como exames, obturações e extrações. A redistribuição do serviço odontológico entre as unidades do Sesc aliada às características desse tipo de tratamento – mais curto em relação ao especializado – permitirá um aumento de 100% no número de pessoas beneficiadas por ano, levando em consideração as unidades móveis OdontoSesc, os espaços parceiros, as ações comunitárias e as três unidades do Sesc.

Além dos consultórios nas unidades de Madureira e Santa Luzia, no Rio, e de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, a instituição mantém seis unidades móveis OdontoSesc, que levam o serviço a comunidades afastadas dos grandes centros urbanos ou carentes de infraestrutura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *