Rodrigo Neves reúne prefeitos do Conleste com empresários franceses

O prefeito Rodrigo Neves (PV) reuniu, na tarde desta quarta-feira (06), em um hotel da Zona Sul de Niterói, prefeitos do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Leste Fluminense (Conleste) para uma reunião de trabalho com cerca de 50 empresários franceses em missão oficial ao Brasil. Na ocasião foram discutidas oportunidades de negócios e parcerias em toda Região. Além do embaixador da França no Brasil, Michel Mirallet, e do presidente do Movimento das Empresas da França (Medef), Michel Philippe Delleur, o grupo francês se fez presente através de representantes de setores como transporte e infraestrutura, saúde, energia, agroalimentar, aeronáutica, bancos/finanças, novas tecnologias e cidade sustentável.

Segundo o presidente do Medef, Michel Philippe Delleur, a delegação, que já esteve em São Paulo, Brasília e agora no Rio de Janeiro, faz parte do maior organização de empresários da Europa, com 750 mil empresas filiadas. “O encontro é muito importante para nossos projetos no Brasil, estamos interessados no potencial da Região Leste, temos várias empresas que podem ajudar”, destacou.

O embaixador da França no Brasil, Michel Mirallet, ressaltou que dentro do pacote de investimentos indiretos está a meta de dobrar a participação de brasileiros em empresas francesas. “Hoje temos 500 mil brasileiros trabalhando em nossas empresas e cerca de 200 empresas de brasileiros na França. Nosso objetivo é ter um milhão de funcionários brasileiros trabalhando em nossas empresas”, afirmou.

Neves explicou aos franceses que os prefeitos das 15 cidades que compõem o Conleste – região que reúne cerca de 3,5 milhões de habitantes – que a região terá a maior prosperidade e desenvolvimento no Rio de Janeiro e no Brasil nos próximos 10 anos. “A Região Leste concentra os investimentos mais importantes para a cadeia produtiva de óleo e gás e do refino do petróleo”, disse Neves.

Para o prefeito de Itaboraí, Dr. Sadinoel (PMB), a retomada dos investimentos no município está estimada em US$ 3 bilhões na conclusão da planta de gás do Comperj até 2020. “Vamos ter investimentos da Petrobras, mas também da Shell e da própria Total Lubrificantes no Brasil, que através do diretor Geral, Maxime Rabilloud, também presidente da Câmara Comercial Brasil-França, confirmou a carteira de investimentos no Brasil de dez bilhões de dólares para os próximos anos”, afirmou.

O prefeito de Rio Bonito, José Luiz Antunes (PP), o Mandiocão, ficou otimista com o interesse dos franceses e disse que o município não vai decepcioná-los. “Rio Bonito é uma cidade que está perto das regiões Serrana e dos Lagos, privilegiada pelas estradas BR-101 e a Via Lagos, que possuem o maior fluxo de veículo da região. O que puder fazer para atrair investimentos para nossa cidade farei”, realçou.

Marcaram presença ainda na reunião de trabalho os prefeitos de Magé, Rafael Tubarão (PPS); de Casimiro de Abreu, Paulo Dames (PSB); de Silva Jardim, Anderson Alexandre (PMDB), Guapimirim, Zelito Tringuelê (PDT), além de secretários municipais das cidades do Conleste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *