Preso pela Polícia Civil acusado de praticar crime de estelionato

Augusto Aguiar

Policiais civis da 72ª DP (Mutuá) prenderam, no centro de São Gonçalo, na segunda-feira, Pablo Martins Amaral. Ele é acusado da prática de crime de estelionato. Os inspetores surpreenderam Pablo depois que uma nutricionista procurou a polícia pedindo ajuda para preservar sua integridade, acrescentando que estaria sendo vítima de constrangimento e ameaça por parte do acusado.

Os agentes então apuraram que as ameaças contra a vítima tinham por objetivo pressionar a nutricionista a realizar o pagamento de valores devidos a título de empréstimo pessoal. Esses valores eram acrescidos de uma taxa de juros superior às legalmente instituídas. Os policiais foram até as proximidades do Rodo, local indicado pela vítima, e surpreenderam Pablo, que recebeu voz de prisão em flagrante. Com o acusado, policiais encontraram as chaves de um veículo, modelo Nissan Tida, e no interior pegaram um caderno e uma agenda contendo anotações alusivas à cobrança de dívidas e empréstimos pessoais que, segundo os agentes, o indiciado teria se especializado na execução de cobranças associadas à atividade, conhecida como crime de “agiotagem”. A 72ª DP divulgou o número do whatsapp (21) 99020-2457 para que qualquer denúncia seja feita e colabore com a delegacia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *