Polícia apreende remessa de “arsenal” e drogas para o Rio

Augusto Aguiar –

Um pequeno “arsenal”, composto por armas poderosas, capazes de derrubar até uma aeronave, além de mais de quatro toneladas e meia de maconha, foram apreendidas na manhã desta quarta-feira (17), por policiais da cidade de Teodoro Sampaio, interior de São Paulo, quando a remessa seguia para uma comunidade do Rio. A carga – 31 pistolas, 16 mil projéteis, sete fuzis, duas metralhadoras calibres ponto 50 (antiaérea), além de acessórios e 4,6 toneladas de maconha – seria entregue a um contato de uma comunidade no Rio, A qual motorista do caminhão (que foi preso na ação) não soube explicar onde seria.

O acusado, de 54 anos, revelou que saiu da cidade de Amambaí, no Mato Grosso do Sul. Policiais da cidade paulista de Teodoro Sampaio foram avisados sobre a remessa por agentes paranaenses, ainda na noite de terça-feira. Segundo os agentes do Paraná, o motorista passaria pelo interior paulista antes de seguir para o Rio. Apenas ao chegar ao estado é que o condutor do caminhão receberia outras instruções. Policiais civis e militares montaram um cerco na Rodovia Arlindo Bettio (SP-613) e conseguiram interceptar o caminhão.

O motorista do caminhão revelou ainda que havia recebido R$ 10 mil para fazer o transporte das drogas e armas, que estavam escondidas num fundo falso do veículo, que tinha placa de Londrina (Paraná). O acusado é oriundo da cidade de Cascavel, também no Paraná.
Mato Grosso do Sul, que faz fronteira com o Bolívia e Paraguai, tem sete pontos usados como rota do tráfico de drogas e armas para o país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *