Nova diretoria promete trazer tempos áureos para Viradouro

Raquel Morais –

Nesta quinta-feira (20), a nova dupla da diretoria da Unidos do Viradouro relembrou os áureos tempos da escola. Marcelo Calil Petrus Filho e Susie Carla Bessil assinaram o termo de posse como presidente e vice-presidente da agremiação, respectivamente. A votação, em chapa única, aconteceu na quadra do Barreto e foi marcada por emoção e muita esperança para elevar a agremiação ao Grupo Especial.

A nova diretoria Calil/Monassa comandará a vermelha e branca de Niterói até 2020. Os amigos ressaltaram o amor e respeito como uns dos lemas para a escola trabalhar não só no carnaval de 2018, mas em toda festa. ‘Marcelinho’, como é chamado, é filho de Marcelo Calil, presidente de honra da vermelho e branco. Já Susie é filha de José Carlos Monassa Bessil, que ficou à frente da Viradouro por nove anos. Segundo nota da escola, Monassa foi o responsável por fazer a agremiação uma das grandes potências do Carnaval do Rio de Janeiro, ocupando, por muitos anos, posição de destaque no ranking da Liga das Escolas de Samba.

Os integrantes da escola e os novos membros comemoraram a força desses dois sobrenomes na presidência da Viradouro. “É uma grande felicidade representar essa nova fase, de reconstrução e vamos trazer de volta os bons tempos da agremiação, levando em conta a nossa gestão. Que a partir de agora a grandeza do carnaval seja resultado de um processo interno, de união, muito trabalho e amor. Sentimos uma unidade instalada e que com essa engrenagem, andando todas as peças juntas, não tem como não dar certo. Prometemos muito empenho, dedicação, amor e trabalho a essa escola”, comentou.

Susi não conseguiu conter as lágrimas ao lembrar do seu pai. “Se hoje estou nesse lugar foi meu pai que me trouxe. Para mim é muito especial ver as pessoas tão felizes em vibrar pelo que está acontecendo. Depois da escola passar por um período de altos e baixos, me sinto como se estivesse revivendo a época do meu pai. É a esperança de voltar a ser como era e que podemos acreditar e que tudo vai dar certo e que grandes carnavais virão”, lembrou a vice-presidente.

DETALHES DO ENREDO
Questionado sobre o enredo, os membros do conselho, presidente e vice não comentaram sobre o assunto. As apresentações da nova diretoria e do enredo acontecerão no próximo dia 23, na Feijoada de São Jorge, na quadra do Barreto. Mas fontes da escola revelaram que a Viradouro levará para a Sapucaí a história dos Gênios da Criação e da Humanidade, num enredo autoral, que fugirá da temática africana e mergulhará no que é psicodélico, lúdico, moderno e onírico, ou seja, que faz referência aos sonhos. A escola estará dividida em 23 alas e quatro alegorias.

NOVOS NOMES DA ESCOLA
Também estreiam na Viradouro o carnavalesco Edson Pereira; o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, formado por Rute Alves e Julinho; o segundo casal, Roberto Vinicius e Alana; Márcio Moura, coreógrafo da comissão de frente; e Valci Pelé e Nilce Fran, coordenadores da ala de passistas. Mauro Amorim assume a direção-geral de harmonia. Completam a equipe, o intérprete Zé Paulo Sierra, Maurão, mestre de bateria, e Alex Fab e Dudu Falcão, na direção de carnaval.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *