DH indicia cinco acusados do triplo homicídio no Barro Vermelho

Augusto Aguiar –

Já estão sendo indiciados pela Divisão de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG) os cinco acusados de envolvimento no bárbaro crime – triplo homicídio – ocorrido no bairro Barro Vermelho, em São Gonçalo, no qual foram vítimas o membro da OAB-SG, Wagner da Silva Salgado, de 42 anos, sua mulher, Soraya Gonçalves de Resende, de 38 anos, e a filha do casal Geovanna Resende Salgado, de 10 anos. O crime ocorreu no dia 17 de fevereiro.

Foram indiciados Simone Gonçalves Resende, irmã de Soraya, além de seus dois filhos, os gêmeos Matheus Resende Khalil e Lucas Resende Khalil, Diego Moreira da Cunha e Gabriel Botrel de Araújo Miranda. Simone foi apontada como mentora do crime, por conta de uma briga judicial pela herança de seu pai, padrasto de Soraya. Os filhos de Simone foram também apontados pelo envolvimento no bárbaro crime. A polícia pediu a decretação da Prisão Preventiva de todos os acusados, que ainda cumprem prisão temporária.

As vítimas foram assassinadas dentro de casa, durante a madrugada enqiuanto dormiam, num apartamento situado na Rua Aurélio Pinheiro. Os corpos foram encontrados nas primeiras horas da manhã por um vizinho. Wagner ainda foi encontrado agonizando e morreu após ser socorridos por uma ambulância do Corpo de Bombeiros, e levado para o Hospital Estadual Alberto Torres (Heat). Sua esposa e filha morreram no local. Ainda no mês de fevereiro os filhos de Simone foram presos pela DHNSG e a mentora no início do mês de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *