Comerciantes se animam com queda nos preços da batata e do tomate

Raquel Morais –

O clima quente e seco, que geralmente prejudica as plantações, ainda não está refletindo negativamente nas produções. Comerciantes e consumidores comemoraram os preços de frutas, legumes e hortaliças essa semana. O calor está aumentando o consumo desse tipo de alimento, buscados pelas pessoas pelo poder de hidratação e por serem mais leves. Uma pesquisa apontou que o preço da batata caiu 12,16% e do tomate 8,21%. Ao contrário da banana, que aumentou 6,40%.

O levantamento foi feito pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), responsável pela Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos. Segundo nota a oferta elevada de batata, ainda da safra de inverno, diminuiu os preços no varejo. O preço do tomate diminuiu em 20 cidades e também a oferta elevada do fruto reduziu o preço no varejo.

No Pomar, em Icaraí, o gerente Joel Vieira informou que a batata, tomate, mamão e alho apresentaram queda no valor, na comparação com a semana passada. O quilo da batata inglesa estava sendo vendida por R$ 4,69 e agora pode ser encontrado por R$ 3,09 (-34,11%); o tomate passou de R$ 7,29 para R$ 6,29 (-13,71%); o mamão de R$ 3,69 por R$ 2,09 (-43,36%) e o alho de R$ 22,80 está sendo vendido por R$ 13,98 (-38,68%). A banana teve o preço de R$ 2,99 mantido.

“As pessoas tentam ter uma alimentação mais leve no verão e em dias de muito calor. Então as vendas ficam boas. Como na semana passada e nessa semana está muito quente, as vendas melhoraram um pouco”, comentou Joel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *