Comerciantes comemoram eliminação do Brasil

Raquel Morais –

O ditado ‘enquanto uns choram, outros vendem lenços’ nunca caiu tão bem como agora em Niterói. Após a eliminação da seleção brasileira da Copa do Mundo, tem muito comerciante da cidade vibrando com a volta à normalidade, principalmente os que registraram queda no movimento de até 30% na semana dos jogos do Brasil. E quem faturou nesse período agora volta à mansidão das vendas de julho.

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Niterói (CDL-Niterói) apontou um incremento de 15% nas vendas, principalmente em bares e restaurantes. O segmento de material de decoração e de uso pessoal com os emblemas do Brasil também registrou acréscimo de 3% nas comercializações. E nesse cenário de festa e aumento do faturamento, uma grande parcela dos comerciantes de Niterói amargou prejuízos, com registros de até 30% na queda do movimento.

“Nos dias de jogos da seleção era menos um dia de trabalho. Então tem muito empresário que está comemorando a eliminação da seleção brasileira do campeonato”, comentou o presidente Luis Vieira.

O comerciante Bruno Nascimento, de 38 anos, tem uma cafeteria no Centro de Niterói e viu suas vendas despencarem até 30% nos dias de jogos. “Na semana que tinha partida do Brasil as pessoas não gastavam dinheiro com outras coisas. Como empreendedor gostei do Brasil ter perdido o jogo e agora é esperar a normalização”, ponderou.

O contrário aconteceu em uma loja de festas no mesmo bairro, na qual as vendas de artigos para a Copa foi muito positiva. “No sábado seguinte à derrota contra a Bélgica a loja já não tinha nenhum item relacionado ao tema. Agora é investir nas vendas de produtos de festa julina”, concluiu a caixa Alessandra Fernandes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *