Agentes do Niterói Presente recebem motos para agilizar ações

Nesta segunda-feira (12), 50 agentes do Niterói Presente começaram a patrulhar as ruas de Santa Rosa e Jardim Icaraí. Nesta terceira fase do projeto, chegaram as motos, para dar mais velocidade no tempo de resposta. O Niterói Presente começou em Icaraí no dia 15 de dezembro e foi ampliado para as ruas do Centro no início de fevereiro. O próximo bairro a receber o projeto será o Fonseca e a previsão é que até junho os agentes já estejam patrulhando o bairro da Zona Norte.

De acordo secretário-executivo do Gabinete de Gestão Integrada Municipal de Segurança (GGIM), coronel Paulo Henrique de Moraes, que coordena o programa, nesse primeiro momento chegaram seis motos, de um total de 50. Além disso, já está em andamento a licitação para aquisição de bicicletas para os agentes.

“O Santa Rosa Presente contará com 50 homens patrulhando em trio das 6 até as 22 horas. Antes mesmo desse lançamento estamos estudando a mancha criminal e sabemos em certos horários que há mais incidências de crimes. Então, nesse primeiro momento, iremos trabalhar de acordo com esse estudo. Mas temos ciência também que os criminosos vão mudando e por isso vamos adequando o projeto a cada nova mudança, como já fizemos no Centro e em Icaraí”, explicou Paulo Henrique.

Para o magarefe Lucas Barbosa, de 44 anos, que presta serviço no Polo Gastronômico do Jardim Icaraí há mais de 10 anos, a chegada desse reforço traz tranquilidade para todos do local. “Estamos precisando disso, nesse fim de semana houve essa tragédia aqui no bairro. Não queremos deixar nossos filhos sujeitos a essa violência que vemos todos os dias. Precisamos desses homens na rua, para nos trazer segurança”, comentou.

Mudança no nome do projeto
Antes chamado de Niterói Mais Segura, o programa sofreu a mudança de nome para trazer mais intimidade à população. De acordo com o secretário-executivo, Niterói Mais Segura são todos os projetos de segurança na cidade, enquanto Niterói Presente é dentre muitos e trará o nome de cada bairro.

“Como no Centro e em Icaraí criaremos um grupo de mensagens aqui [Santa Rosa] para que os comerciantes e moradores tenham o contato direto com os agentes desse bairro. Essa resposta direta dá maior velocidade de resposta”, esclareceu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *